Pautas


Governador inspeciona obras e participa da Feira Agropecuária de Santarém

Por Luiz Carlos Santos (SECOM)
Abertura: 13/08/2019 16h00
Encerramento: 13/08/2019 23h00
Local: Terminal Hidroviário/ Ginásio Poliesportivo/ Parque de Exposições
Endereço: Rua Dom João VI, PA-255, Bairro Prainha/ Avenida Irurá/ Parque de Exposições Governador Alacid Nunes
Contatos: William Serique (Secom): 98532-0907

O governador Helder Barbalho retorna a Santarém, na região oeste, para inspecionar duas importantes obras para o município: o Terminal Hidroviário e o Ginásio Poliesportivo. Ele também participa de um dos maiores eventos da região, a Feira Agropecuária e Agroindustrial do Baixo Amazonas.

Nos últimos quatro anos, Santarém recebeu apenas R$ 150 mil em convênios entre o município e o governo do Estado. Agora, Helder Barbalho, em apenas cinco meses, já garantiu para o município o aporte de R$ 10 milhões em infraestrutura, para ajudar a solucionar o maior problema local. O governo também já investe R$ 25 milhões no hospital materno-infantil.

Com previsão de entrega para março de 2020, o Terminal Hidroviário de Cargas e Passageiros de Santarém está com cerca de 41% das obras concluídas, segundo a Companhia de Portos e Hidrovias do Pará (CPH). O novo espaço vai melhorar a mobilidade para mais de 302 mil usuários do município, e deve receber, em média, 5 mil passageiros por dia.

Executada pela CPH com recursos da Caixa Econômica Federal, a obra está orçada em R$ 59.884.105,61, e segue em ritmo acelerado no bairro da Prainha, com as etapas de colocação de vigas, pisos e paredes, e construção da passarela em concreto, no que se refere à obra naval.

Quando for finalizado, o Terminal Hidroviário de Santarém, já considerado o mais moderno do Brasil, terá 3.600 metros quadrados de área construída, 16 guichês para venda de bilhetes, guarda-volumes, sistema de climatização, banheiros masculino, feminino e para pessoas com deficiência, farmácia, três lanchonetes e restaurante.

A sala de espera terá 1.205 cadeiras confortáveis e rede wi-fi gratuita. O terminal conta ainda com espaço para instalação de lojas e quiosques, além de salas para órgãos de segurança e justiça, como Polícia Militar, Conselho Tutelar e Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Pará (Arcon). Já o terminal de cargas terá um galpão com mais de 06 mil metros quadrados de área.

Para auxiliar no embarque e desembarque de passageiros, o espaço terá rampa metálica biarticulada, passarela coberta em concreto e flutuante com oito fingers, para atraque das embarcações. Na área externa, o terminal vai dispor de estacionamento com 5.800 metros quadrados e vagas para carros, motos e bicicletas, além de pontos para táxis e ônibus.

Em março deste ano, ao lado de engenheiros e técnicos, o governador Helder Barbalho e o presidente da CPH, Abraão Benassuly, realizaram vistoria técnica no terminal para acompanhar o andamento das obras.

A CPH também constrói outros cinco terminais hidroviários no Baixo Amazonas:
Almeirim (58% das obras concluídas); Prainha (78%); Faro (70%); Curuá (74%) e Santana do Tapará (54% das obras concluídas).

O primeiro terminal hidroviário inaugurado pela CPH na gestão de Helder Barbalho foi o de Terra Santa, também no Baixo Amazonas, entregue no final de junho deste ano. Com financiamento da Caixa Econômica Federal, a obra foi orçada em R$ 3.889.594, e tem 744 metros quadrados de área total, entre obras civil e naval.

O terminal conta com carrinhos de bagagem, banheiros, lanchonete, guichês para vendas de passagem, cadeiras confortáveis, televisores e bebedouro. O local é administrado pela Prefeitura.

Ginásio Poliesportivo - Instalado em um terreno de 21 mil metros quadrados, o ginásio poliesportivo tem área construída de 6.500 m². O projeto contempla salas administrativas, banheiros, vestiários, lanchonete, estacionamento, duas bilheterias, recepção, saguão de entrada, setor de apoio ao turista e capacidade para 5 mil pessoas.

O ginásio terá ainda salas voltadas ao atendimento de segurança, saúde e projeto de acessibilidade, em conformidade com os critérios estabelecidos pelo Ministério do Esporte. O espaço também será multiuso, com um palco de 350 m² e 3 metros de altura, que servirá para shows e apresentações artísticas e culturais.

As obras iniciaram em 2013, porém a empresa que atualmente é responsável pela obra assumiu em 2017. A meta é que o governador entregue o ginásio à população no próximo mês de novembro. O ginásio poliesportivo deve beneficiar não só Santarém, mas também todo o oste paraense, no âmbito das competições esportivas e realização de grandes eventos.

Feira Agropecuária - Começa nesta segunda-feira (12) a 42ª Feira Agropecuária e Agroindustrial do Baixo Amazonas, que este ano será realizada de 12 a 18 de agosto, em Santarém. O governador Helder Barbalho receberá, no evento, a medalha "Felisberto de Camargo, da Ordem dos Cavaleiros da Produção Rural", no Parque de Exposição Alacid Nunes (nas dependências do Tathersal Chico Chaves).

A Feira, considerada a maior do segmento na região, tem na programação palestras técnicas, torneio leiteiro, degustação de produtos, leilão, festival do chopp, shopping de animais, desfile de cães e atrações culturais, com shows nacionais da dupla sertaneja Zé Neto e Cristiano e do cantor Hungria Hip Hop.

Mais de 70 expositores dos segmentos rural, comercial, de serviços e educacional são esperados nesta edição da Feira, que deve receber mais de 200 mil visitantes nos sete dias de evento, já que o acesso a área de exposição é livre.