Pautas


Governo assina ordem de serviço para reconstrução da PA-150

Por Kátia Aguiar (SETRAN)
Abertura: 21/10/2019 16h00
Encerramento: 21/10/2019 17h00
Local: Entrada do Distrito de Morada Nova (Marabá)
Endereço: Entroncamento da PA-150 com a BR-222
Contatos: Kátia Aguiar (Ascom Setran): (91) 99160-0266

O governador Helder Barbalho assinará, nesta segunda-feira (21), às 16h, a Ordem de Serviço (OS) para a reconstrução, recuperação, manutenção e conservação da PA-150, no sudeste do Pará. A obra abrangerá o subtrecho de Goianésia do Pará (entroncamento da PA-263) a Morada Nova, distrito de Marabá (entroncamento da BR-222).

A contratação abrange 164 dos 332 km que compõem a PA-150, um dos mais importantes corredores de escoamento da produção paraense. O investimento é de R$ 75.356.556,77. A previsão de conclusão das obras é abril de 2020.

Serão executados serviços de limpeza das pistas e acostamentos, restauração, reconstrução, conservação e manutenção do pavimento, além de tratamento do sistema de drenagem. A rodovia receberá, ainda, nova sinalização, com aplicação de tachas refletivas nos 164 km contratados, abrangendo o trecho entre Goianésia do Pará e o distrito de Morada Nova, melhorando a visibilidade da pista.

A PA-150 é uma das rodovias mais extensas da malha estadual, dividida em dois trechos. O primeiro, sob a jurisdição do 4º Núcleo da Setran, tem 166,65 quilômetros de extensão e vai de Moju a Goianésia do Pará. O outro, de 164,04 km, fica sob a jurisdição do 5º Núcleo, que vai de Goianésia a Morada Nova.

A via é um dos principais corredores de saída da produção mineral e agropastoril, ao interligar o nordeste e a Região Metropolitana de Belém, via Alça Viária, ao sudeste e sul do Pará. É pela PA-150 que a soja é levada para Vila do Conde, assim como a pecuária, para exportação.